Escolher Programas:

  • América do Norte
  • América do Sul
  • Ásia
  • Europa

O Programa AFS – Estudar no Estrangeiro é uma experiência de intercâmbio destinada a estudantes do Ensino Secundário. Os/as estudantes AFS vivem durante um ano ou trimestre noutro país com uma família de acolhimento voluntária, frequentam uma escola secundária local e envolvem-se com a comunidade envolvente.

O/a estudante AFS, a sua família de acolhimento e os seus novos amigos vão poder partilhar os seus conhecimentos e alargar a sua visão do mundo, que nunca mais será a mesma. Aprender através das experiências AFS implica um crescimento e mudança dos valores pessoais, estabelecimento de relações interpessoais, conhecimento e sensibilidade intercultural e consciência global de assuntos internacionais.

Inscreve-te já!

Atreve-te a abrir o teu mundo a um mar de possibilidades!

As experiências interculturais AFS transformam a tua vida para sempre! #AFSeffect
STU_GLOBAL

Atreve-te a ser global!

Vive noutro país com uma nova família. Aprecia diferentes tradições. Dedica o teu tempo a reconhecer, valorizar e a aprofundar as tuas visões sobre diferentes perspetivas, culturas, religiões e questões globais importantes.

STU_CHANGE

Atreve-te a mudar!

Abre a tua mente a uma nova forma de ver o mundo e contribui também para que outros consigam ver o mundo da forma como tu o vives. Constrói pontes entre culturas ao criar amizades que irão durar uma vida inteira.

STU_FLUENT

Atreve-te a ser fluente!

Frequenta uma nova escola, aprende uma língua nova e descobre como criar laços com pessoas de outras culturas e origens – competências que trarás contigo de volta para casa e que irão permanecer para toda a vida.

STU_YOU

Atreve-te a crescer!

Descobre coisas novas sobre ti mesmo e sobre o teu papel neste mundo. Aprende a transformar situações desafiantes em oportunidades valiosas para cresceres e te tornares mais maduro.

“Cada segundo desta minha nova vida é uma história para contar.”

Leia este testemunho AFS!

Como me posso tornar um AFS’er?

Se tens entre 15 e 18 anos, bom aproveitamento escolar e não tens problemas de saúde e emocionais impeditivos, então estás [email protected] para te candidatar! Aqui está o que deves esperar da tua viagem intercultural com o AFS:
STEP1

Inicia a tua pré-inscrição!

A candidatura é composta por duas fases: a pré-inscrição de carácter nacional e a candidatura a nível internacional. Sabermos aspectos chave sobre ti irá ajudar-nos a facilitar a tua experiência AFS!

Inscreve-te já!
STEP2_ST

Participa no Campo de Selecção!

A tua participação no Campo de Selecção, a ficha de inscrição e as entrevistas dizem-nos o quão [email protected] estás para realizar um intercâmbio internacional. O número de vagas para cada destino é limitado e regra geral inferior ao número de candidatos interessados, pelo que recomendamos que estejas [email protected] para realizar a tua experiência AFS em pelo menos 3 destinos diferentes.

STEP3

Preenche o Processo Internacional!

Esta é a fase em que te dás a conhecer à tua potencial família de acolhimento, vais ao médico para te certificar que estás de boa saúde física e emocional, partilhas as tuas informações académicas actualizadas, entre outras informações pertinentes. Sabermos estas informações irá ajudar-nos a encontrar uma família e escola de acolhimento!

STEP4_VOL

Participa nos Campos de Orientação!

As sessões de Orientação AFS (antes, durante e depois do Programa) são fundamentais para que @s jovens estejam [email protected] para a experiência que é viver noutro país, em casa de uma família com hábitos diferentes dos seus, numa escola nova e com novas amizades. Por este motivo, todos os momentos de Orientação são de presença obrigatória para [email protected] @s participantes.

STEP5_ST

Entra no avião e atreve-te a conhecer o mundo!

@s voluntá[email protected] AFS, famílias de acolhimento e membros de staff estão dedicados e preparados para fazer do teu Programa AFS uma experiência de aprendizagem intercultural que nunca irás esquecer!

Bolsas AFS

As Bolsas AFS poderão cobrir entre 5% a 40% do valor da Taxa de Participação do Programa AFS anual. Para o ano lectivo 2018/2019, a Intercultura-AFS disponibiliza Bolsas de valor fixo para a Bósnia e Herzegovina (20%), Turquia (20%) e Costa Rica (70%)!

Saber mais

Perguntas Frequentes

Ficha de Inscrição e Campo de Selecção

Sim, poderá acontecer a não selecção de um [email protected]

A Intercultura-AFS Portugal considera que existem 9 competências que um/a [email protected] deve ter, a um nível moderado, de modo a poder viver com sucesso uma experiência de Aprendizagem Intercultural. Através de actividades de educação não-formal, durante o Campo de Selecção, @s monitores/as voluntá[email protected] AFS irão procurar identificar essas mesmas competências e recomendar ou não a participação do/ candidato/a no Programa AFS.

Tendo em conta o esforço de adaptação que implica por parte [email protected] jovem, existem situações em que uma experiência deste âmbito poderá resultar negativamente, se em vez de contribuir para o seu amadurecimento, ao contrário, contribuir para lhe criar frustração elevada por uma experiência mal sucedida. Nestas situações, a Intercultura-AFS Portugal, em diálogo aberto com toda a família, poderá decidir sobre a não participação [email protected] jovem em questão.

Por outro lado, existe, também, um número pré-estabelecido de vagas para cada destino, o que poderá condicionar o número final de participantes por destino, em cada ano.

Taxa de Participação

A Intercultura-AFS Portugal prevê a seguinte modalidade de pagamento da taxa de participação no Programa AFS, cujo valor varia consoante o destino:
a) Uma prestação inicial com a assinatura dos Termos & Condições de Participação, no valor de 1.500€ (Programa anual) ou 1000€ (Programa trimestral);
b) O valor remanescente deverá ser pago em uma a seis prestações mensais, iguais e sucessivas, integralmente realizadas até 31 de Julho de 2018.

Aprendizagem da Língua

Um dos objectivos educativos a nível cultural do Programa AFS é precisamente a aprendizagem da língua do país de acolhimento. Assim, @s estudantes AFS são [email protected] numa escola e as aulas são dadas na língua materna desse país. Apesar de não ser obrigatório saber a língua materna do país desejado antes da partida, para que o processo de integração numa nova cultura seja mais facilitado, é importante que @ estudante tenha uma motivação muito forte para aprender a língua antes e durante a sua experiência.

Adicionalmente, é conveniente que @ estudante tenha um nível moderado de Inglês, de forma a conseguir compreender os conteúdos dos Manuais de Orientação disponibilizados pelo AFS durante a preparação para a experiência antes da partida e de forma a poder expressar-se com os voluntários de apoio AFS durante a sua experiência, no caso de estar a sentir qualquer tipo de dificuldade.

Por último, alguns parceiros AFS disponibilizam cursos online de aprendizagem da língua materna, antes da partida, e disponibilizam também cursos de aprendizagem da língua à chegada. A maior parte [email protected] estudantes AFS regressa a Portugal a saber falar a língua do seu país de acolhimento.

Bolsas de Estudo

Sim. De forma a garantir diversidade socioeconómica e geográfica [email protected] participantes nos seus Programas, a Intercultura-AFS Portugal tem atribuído bolsas de estudo ao longo dos anos.

Caso deseje candidatar-se a uma bolsa de estudo, deverá enviar todos os documentos juntamente com a Ficha de Inscrição AFS. Os documentos necessários para a análise da candidatura são:

  • Nota de liquidação das Finanças do último IRS;
  • Recibos de vencimento dos últimos 6 meses (de todos os membros do agregado que exerçam actividade profissional);
  • Documentação/Informação adicional que considerem pertinente para apreciação da candidatura.

A candidatura à bolsa de estudos encontra-se apenas disponível para @s [email protected] ao Programa AFS Anual e pode cobrir entre 5% a 40% do valor da Taxa de Participação.

Os resultados da candidatura à bolsa serão comunicados aos/às estudantes e suas famílias após a selecção [email protected] [email protected] A Intercultura-AFS Portugal reserva-se o direito de não atribuição de qualquer bolsa. Poderá obter informações mais detalhada acerca das Bolsas aqui .

Equivalências

Sim. O programa trimestral acontece durante o 1º período lectivo, entre Setembro e Dezembro, pelo que se o/a Director/a de turma justificar as faltas durante a ausência para realização do Programa Trimestal AFS – Cidadania Europeia, @ estudante AFS pode regressar às aulas na sua escola e continuar o seu percurso académico como se tivesse frequentado o 1º período lectivo em Portugal.

No caso do programa trimestral, não se coloca a questão das equivalências. @s estudantes deverão matricular-se normalmente na sua escola, como se ficassem em Portugal, e as suas faltas durante o programa AFS (1º período do ano lectivo) deverão ser justificadas pelo director de turma no âmbito da participação no programa.

Famílias de Acolhimento

Sim, é possível colocar @s estudantes numa família de acolhimento previamente indicada pela família natural. No entanto, este processo apenas será viável se a Família cumprir com os critérios de selecção para poder participar no Programa AFS – Famílias de Acolhimento e se na zona de residência da família identificada existir um núcleo local AFS que permita providenciar o apoio necessário à realização da experiência AFS – uma experiência de carácter transformador com objectivos educativos específicos para a Aprendizagem Intercultural.

A Intercultura-AFS ressalva ainda que o facto de existir uma família de acolhimento disponível para acolher @ estudante, não é garantia de selecção para participar no Programa AFS – Estudar no Estrangeiro nem de aceitação do Processo Internacional, pelo parceiro AFS do destino de acolhimento.

Conhece AFS'ers de todo o mundo!