Tailândia, a “terra dos livres”, também é conhecida como “a terra dos sorrisos”. Embora Bangkok registe as temperaturas mais elevadas de qualquer capital mundial, a Tailândia é um dos destinos asiáticos mais populares para o turismo. Dentro das várias atracções que este país oferece, existe uma cultura que não foi modificada pela colonização ocidental, reflectindo diversas influências da China, Birmânia e da religião budista, que ensina a hospitalidade e a amabilidade. Igualmente irresistíveis são as suas luxuosas praias, as suas inúmeras ruínas antigas e os seus gloriosos templos budistas.

Família de Acolhimento e comunidade local

O/a estudante AFS poderá ser colocado/a numa capital regional ou numa pequena cidade em qualquer região da Tailândia, incluindo nas florestas do norte, nas planícies agrícolas centrais, ou nas praias tropicais do sul. Muitas famílias vivem com familiares de diferentes gerações, sendo comum visitar outros parentes em diferentes zonas do país. É ainda comum passar-se o fim-de-semana em casa com a família. As famílias tailandesas dão muita importância a valores tradicionais com uma longa história. O/a estudante deverá pedir permissão à sua família de acolhimento para sair de casa. As pessoas cumprimentam-se com um “wai” (juntando as palmas das mãos enquanto se curvam ou fazem reverência) como sinal de respeito. Os tailandeses tentam viver com um “jai yen” (coração frio), pelo que será difícil ver expressões públicas de emoções fortes.

Escola

Existem muitos tipos de escola na Tailândia mas, em geral, a escola é um espaço central para a comunidade local. O/a estudante AFS será provavelmente colocado numa escola secundária pública, mas a escola e os cursos a frequentar vão depender da idade, interesses e área de residência do/a estudante. O ano lectivo começa em Maio e termina em Fevereiro (as aulas são das 7h30 às 15h30), com uma pausa a meio do ano, em Outubro. As escolas tailandesas disponibilizam áreas de estudo relacionadas com cultura, que incluem a língua tailandesa, dança, luta com espadas, música, culinária, artes, história, budismo e meditação. Existem ainda clubes académicos, desportivos e recreativos, que se reúnem com frequência. Os/as estudantes usam uniformes.

Língua

A língua oficial da Tailândia é o tailandês. As famílias de acolhimento, comunidades locais e escolares utilizam o tailandês para comunicar. Todas as aulas e formações são dadas em tailandês, com excepção das línguas estrangeiras. No entanto, não é necessário saber falar tailandês antes do programa – as escolas ou voluntários locais da AFS disponibilizam apoio para a aprendizagem da língua.

Alimentação

A cozinha tailandesa é composta de arroz, caril, peixe e vegetais, misturados com especiarias picantes e molhos de amendoim. As carnes mais típicas são a carne de porco e de frango. Para além disso, existe uma grande variedade de frutas disponível durante todo o ano. A maioria das casas tailandesas tenta jantar em família e, num cenário de jantar típico, cada pessoa tem uma tigela de arroz e no centro da mesa são colocados outros pratos que são partilhados por todos/as. Os pratos populares incluem noodles fritos, inhame temperado com salada e “tom yum kung” (sopa de camarão com sabor a limão).

Programas AFS disponíveis para este destino: