A Dinamarca consiste numa península de mais de 400 ilhas no Mar do Norte. Uma ponte entre a Escandinávia e a Europa continental, este simpático país do norte é uma confluência de cidades modernas e cosmopolitas e aldeias de contos de fadas com antigos castelos e fortalezas viking, mercados e igrejas. Há um milénio atrás, o país foi posto no mapa pelos conquistadores viking, mas hoje é conhecido por ser um modelo da civilização e um exemplo político, social e económico.

Família de Acolhimento e comunidade local

O/a estudante AFS poderá ser acolhido em qualquer zona rural ou suburbana da Dinamarca, incluindo a Gronelândia e as Ilhas Faroé. As localidades dinamarquesas são próximas umas das outras e a rede de transportes públicos é uma forma de mobilidade segura e confortável. Em geral as famílias na Dinamarca mantêm laços de proximidade e preferem cozinhar o seu jantar em casa. Os/as estudantes AFS deverão seguir o exemplo dos seus irmãos ou irmãs de acolhimento: ser independentes, fazer os trabalhos de casa e ajudar com tarefas domésticas.

Escola

O/a estudante AFS irá frequentar o primeiro ou segundo ano de “gymnasium” – uma escola secundária já preparatória para a universidade – ou o “folkeskole”, ensino para estudantes entre os 6 e os 16 anos de idade. O ano lectivo decorre entre Agosto e Junho, de segunda a sexta-feira, das 8 às 15 horas. Existem normalmente 5 ou 6 disciplinas obrigatórias, uma ou duas optativas e aulas de língua dinamarquesa durante todo o ano. Escolas ou associações locais dinamizam actividades extracurriculares ligadas a diferentes áreas como: desporto, música, artesanato, teatro ou clubes de escoteiros.

Língua

A principal língua falada é o dinamarquês, embora o feroês, groenlandês e alemão sejam também reconhecidos como línguas regionais oficiais. A AFS apoia o/a estudante de intercâmbio com materiais para aprendizagem da língua antes da partida e/ou a encontrar cursos de língua para os primeiros meses da sua experiência no estrangeiro. A população é muito desenvolta em inglês, por isso será útil dominar bases de Inglês.

Alimentação

A dieta dinamarquesa inclui uma grande variedade de carnes e legumes. O almoço inclui uma típica sandes chamada “Smørrebrød” – uma fatia de pão de forma escuro coberta com diversos tipos de recheios, como saladas, frango, atum, vegetais, entre outros. O jantar é geralmente a refeição principal e representa um bom momento para juntar a família à volta de uma mesa e conversar sobre o dia. Duas das especialidades dinamarquesas mais populares são arenque em conserva e alcaçuz preto salgado.

Programas AFS disponíveis para este destino: